Para onde vou?


Ando sem inspiração para escrever. Nem sempre as palavras fluem como gostaria, embora dentro da minha mente as palavras corram de um lado para o outro em alvoroço mas desencontram-se a meio do caminho.
Sempre tive blogs , já conto com um historial imenso de blogs, desde pelo menos 2004. Agora fazendo as contas já passaram 13 anos. Como é possível?  Ainda era uma miúda cheia de sonhos, e o conteúdo era completamente diferente do atual. Eram na sua maioria posts de poemas  e pensamentos.  Contudo sinto que o conteúdo  era mais coeso  do que é atualmente. Agora escrevo sobre temas dispersos, escrevo o que me vem a cabeça, o que nem sempre é interessante.

Sou do tempo em que os blogs tinham mais subscritores do que o Youtube, do tempo em que realmente perdíamos tempo a ler as ideias e as almas alheias. Sinto que atualmente é muito mais fácil ter-se sucesso nas redes sociais se escrevermos sobre moda, do que propriamente escrevermos sobre a vida. Não quero com isto parecer invejosa, ou desistente. Tudo isto se prende ao facto de vivermos numa época mediática de glamour. Atenção eu própria sigo blogs de Moda, e pratico muitas dicas de maquilhagem oferecidas por várias youtubers. Mas deixo aqui apenas este comentário como nota de desabafo, pois sei que muitos de vocês também o sentem.
Ontem em conversa com um amigo, enquanto fumávamos um cigarro naqueles momentos de silencio confortável, ele perguntou-me “porque é que não voltas a escrever? “ e eu respondi “Nas férias ainda escrevi alguns textos, mas  não sei sobre o que escrever”, ele finaliza “acho que devias escrever algo com principio, meio e fim, um livro. Se quiseres fazemos um  brainstorming.”   Fiquei a pensar nisso desde ontem, mas tenho sempre receio de começar e depois não conseguir desenvolver. E depois surgem aquelas duvidas “como começar? O que escrever? Para quem escrever?.”  Um processo que presumo que seja normal, mas que requer que levemos este projeto a sério. Quanto custa ganharmos coragem para avançar? Só arriscando. A diferença está no tempo que estamos dispostos a dispor para fazer crescer algo em que acreditamos.
A verdade é que atualmente devido à minha vida profissional não tenho tido muito tempo para me dedicar ao blog. Depois tenho vários interesses, desde fotografia, poesia, gastronomia ou trabalhos manuais. Há todo um leque de assuntos que não tornam a minha escrita coesa. Depois também gosto de observar as pessoas e escrever em tom de ironia certos comportamentos ou estilos de vida  que observo.
Em suma, tenho de me reencontrar primeiro enquanto blogger para poder oferecer um pouco de mim ao mundo.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Escreva um blog: WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: